sábado, janeiro 10, 2009

CINEREVIEW #3 - VICKY CRISTINA BARCELONA

Photobucket
Por vezes, e é raro eu chegar a este ponto, mas sou forçado a sacar um filme da internet. Não sou totalmente contra à pirataria, irrita-me simplesmente as pessoas que decidem sacar filmes da net perdendo o hábito de ir ao cinema. E não me venham com coisas porque ver um filme no cinema é bem diferente de ver um filme no monitorzinho do computador ou televisão lá de casa. (E se acham caro ir ao cinema, é menos uma saída à noite ou um par de cuecas. Já me queixei dos preços, mas agora com ofertas via e-mail de pipocas e preços de estudante  apenas com cartão do cinema, a vantagem é mais que muita. Atenção: nunca dar mais um euro por um Kit Kat. Isso sim, é estúpido.)
MAS, fui obrigado a ir contra os meus princípios porque Vicky Cristina Barcelona nunca mais chega a Portugal (22 Janeiro). E acima de tudo queria começar o ano em alta e assistir ao anual filme de Woody Allen e, com um elenco destes, quem não quer saciar a sua curiosidade?
Vicky Cristina Barcelona é um belíssimo filme: light, excelentes interpretações (Scarlett já parece actriz), uma história que aborda questões e situações que de certeza nos ocorreram a todos (neste caso com uma perspectiva liberal e outra mais consevadora do amor) e que tem como pano de fundo a cidade de Barcelona num período de férias. Tudo com aquele maneirismo de Woody Allen.
Ah, e qual não foi o meu orgasmo quando numa fase do filme surgiu a cidade de Oviedo e esse monumento das nossas aulas de história 4º ano e meu favorito de sempre: a Igreja Santa Maria del Naranco!
Portanto, apertem muito e esperem pela chegada ao cinema (eu devo voltar a revê-lo na tela gigante), ou saquem já. E em paralelo podem pensar na banda sonora também; as guitarradas espanholas ficam sempre no ouvido e ouvi-la pós-visualização é mergulhar de novo no filme e recordar as lições de amor.

nota: 4,5/5

cena-chave: o relacionamento paralelo de Javier Bardem e Vicky.

1 comentário:

Direcção Geral de Inspecção das Actividades Económicas disse...

======Auto de Notícia======

Caro utilizador,

Detectamos uma infracção aos artigos 65.º, n.º 3 e 74.ºdo Código de Direitos de Autor e Direitos Conexos e ao artigo 227.º do Código Penal.
Procedemos ao registo de uma denúncia e respectivo inquérito, que investigará as infracções reportadas na sua página de internet.

Enviaremos, em breve, a instrução do processo, para que, querendo, conteste as acusações que serão formuladas.